CAVALO CEGO

sexta-feira, 24 de setembro de 2010 · 0 comentários


"Guia-me na tua verdade, e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação; por ti estou esperando todo o dia." Salmos 25:5
Na estrada de minha casa, há um pasto onde vivem dois cavalos.
De longe, parecem cavalos normais mas, quando olhamos bem, percebe-se que um deles é cego. Contudo, o dono não se desfez dele e arranjou um amigo, um cavalo mais jovem.
Isto é de admirar!
Ao observá-los, ouviremos um pequeno sino, e este está no pescoço do cavalo menor. Assim, o cavalo cego sabe onde está o seu companheiro e vai até ele.
Ambos passam os dias comendo e no final do dia o cavalo cego segue o companheiro até o estábulo.
Percebemos que o cavalo com o sino está sempre olhando se o outro o acompanha e, às vezes pára, para que o outro possa alcançá-lo. E o cavalo cego guia-se pelo som do sino, confiante que o outro o está levando para o caminho certo.
Como o dono, desses dois cavalos, Deus não se desfaz de nós só porque não somos perfeitos, ou porque temos problemas ou desafios. Ele cuida de nós e faz com que outras pessoas venham em nosso auxílio, quando precisamos.
Algumas vezes somos como o cavalo cego, guiado pelo som do sino daqueles que Deus coloca em nossas vidas. Outras vezes, somos como o cavalo guia, ajudando outros a encontrar seu caminho. E assim são os bons amigos! Não precisamos vê-los, mas estão presentes em nossas vidas!
Por favor, ouça o meu pequeno sino; eu também ouvirei o seu.
Ame generosamente,
Cuide com devoção,
Fale com bondade...
E confie, deixando as demais coisas para Deus...

Desconheço o Autor

UM ENCONTRO MARAVILHOSO...

quarta-feira, 1 de setembro de 2010 · 0 comentários



Um dia, levantei-me de manhã cedo para assistir o nascer do sol. A beleza da criação divina estava além de qualquer descrição. Enquanto eu assistia, louvei a Deus pelo Seu belo trabalho. Sentado lá, senti a presença de Deus comigo. Ele me perguntou:- “Você me ama?”- Eu respondi: -“É claro, Deus! Você é meu Senhor e Salvador!”

Então, Ele perguntou: -“Se você tivesse alguma dificuldade física, ainda assim me amaria?

Eu, fiquei perplexo! Olhei para meus braços, pernas e para o resto do meu corpo e me perguntei quantas coisas eu não seria capaz de fazer, às coisas que eu dava por certas.

E, eu, respondi: - “Seria difícil, Senhor, mas eu ainda te amaria.”

Então o Senhor disse: - “Se você fosse cego, ainda amaria minha criação?”

Como eu poderia amar algo sem possibilidade de vê-lo? Então, pensei em todas as pessoas cegas no mundo, e quantos deles ainda amaram Deus e Sua criação!

Então, respondi: -“É difícil pensar nisto, mas, eu ainda Te amaria.”

O Senhor então, perguntou-me: - “Se você fosse surdo, ainda ouviria minha palavra?”

Como poderia ouvir algo, sendo eu surdo? Então, entendi. Ouvir a palavra de Deus, não é simplesmente usando os ouvidos., mas nossos corações.

Então, eu respondi: - “Seria difícil, mas eu ainda ouviria a Tua palavra.”

O Senhor, então perguntou-me: - “Se você fosse mudo, ainda louvaria Meu nome?”

Como poderia louvar sem uma voz?! Então me ocorreu; Deus quer que cantemos de toda nossa alma e todo nosso coração.. Não importa como possa parecer. E, louvar a Deus, não é sempre com uma canção, mas, quando somos oprimidos, nós louvamos a Deus com nossas palavras de gratidão.

Então, eu respondi:- “Embora eu não pudesse fisicamente cantar, eu ainda louvaria teu nome.”

E o Senhor perguntou: - “Você realmente Me ama?”

Com coragem e forte convicção, eu respondi, seguramente: - “Sim, Senhor! Eu Te amo. Tu és o único e verdadeiro Deus!!”

Eu pensei Ter respondido bem, mas.. então, Deus perguntou-me: - “ENTÃO, PORQUE PECAS?”

Eu respondi:- “Porque sou apenas um humano, não sou perfeito.”

“ENTÃO, PORQUE EM TEMPOS DE PAZ, VOCÊ VAGUEIA AO LONGE? PORQUE SOMENTE EM TEMPOS DE PROBLEMAS, VOCÊ ORA COM FERVOR?”

Sem respostas, somente lágrimas....

E o Senhor continuou: -“Porque cantas somente nas confraternizações e nos retiros? Porque Me buscas somente nas horas de adoração? Porque Me perguntas coisas tão egoístas? Porque Me fazes perguntas tão sem fé?”

As lágrimas continuavam a rolar em minha face...

“Porque você está com vergonha de mim? Porque você não está espalhando as boas novas? Porque em tempos de opressão, você chora aos outros, quando eu ofereço Meu ombro pra você chorar nele? Porque cria desculpas, quando lhe dou oportunidade de servir em Meu nome? Você é abençoado com vida. Eu não lhe fiz para que jogasse este presente fora. Eu lhe abençoei com talentos pra Me servir, mas, você continua a se virar. Eu revelei Minha palavra a você, mas você não progride em conhecimentos. Eu falei com você, mas seus ouvidos estavam fechados. Eu mostrei minhas bênçãos, mas seus olhos se voltavam pra outra direção. Eu lhe mandei servos, mas você se sentou ociosamente, enquanto eles eram afastados. Eu ouvi suas orações e respondi todas elas.”

Eu tentei responder, mas, não havia resposta a ser dada..

Então o Senhor perguntou-me :- “Você verdadeiramente Me ama?”

Eu não pude responder.., como eu poderia? Eu estava inacreditavelmente constrangido, eu não tinha desculpas. O que eu poderia dizer? Quando meu coração chorou e as lágrimas brotaram, eu disse: -“Por favor, perdoa-me Senhor! Eu não sou digno de ser seu filho.”

O Senhor respondeu: - “Esta é Minha graça, minha criança... Porque você é Minha criação. Você é Minha criança. Eu nunca te abandonarei. Quando você chorar, Eu terei compaixão e chorarei com você. Quando você estiver alegre, Eu vou rir com você. Quando você estiver desanimado, Eu te encorajarei. Quando você cair, Eu vou te levantar. Quando você estiver cansado, Eu te Carregarei . Eu estarei contigo até o final dos tempos, e Te amarei pra sempre.”

Eu jamais chorara daquela maneira antes, como pude Ter sido tão frio? Como pude Ter magoado Deus como fiz? Então perguntei a Deus: - “Quanto me amas?”

Então, o Senhor esticou Seu braço e eu vi suas mãos com enormes buracos sangrentos. Logo, curvei-me aos pés de Jesus Cristo, Meu Salvador, e, pela primeira vez, eu orei verdadeiramente...

( Desconheço o autor)

EMOCIONANTE

domingo, 4 de julho de 2010 · 0 comentários

APRENDENDO A CONVERSAR COM DEUS

terça-feira, 29 de junho de 2010 · 0 comentários


Para conversar com Deus é preciso antes de tudo aprender a estar em silêncio.

Muitos se queixam que não conseguem ouvir a voz de Deus e, portanto, não há nenhum mistério.

Deus nos fala. Mas geralmente estamos tão preocupados em falar, falar e falar, que Ele simplesmente nos ouve. Se falamos o tempo todo, nada mais natural que ouvirmos o som da nossa própria voz. Enquanto nosso eu estiver dominando, só ouviremos a nós mesmos.

A maneira mais simples de orar é ficar em silêncio, colocar a alma de joelhos e esperar pacientemente que a presença de Deus se manifeste. E Ele vem sempre. Ele entra no nosso coração e quebranta nossas vidas. Quem teve essa experiência um dia nunca se esquecerá.

Nosso grande problema é chegar na presença de Deus para ouvir somente o que queremos. Geralmente quando chegamos a Ele para pedir alguma coisa, já temos a resposta do que queremos. Não pedimos que nos diga o que é melhor para nós, mas dizemos a Ele o que queremos e pedimos isso. É sempre nosso eu dominando, como se inversamente, fôssemos nós deuses e que Ele estivesse à disposição simplesmente para atender a nossos desejos. Mas Deus nos ama o suficiente para não nos dar tudo o que queremos, quando nos comportamos como crianças mimadas. Deus nos quer amadurecidos e prontos para a vida.

Quem é Deus e quem somos nós? Quem criou quem e quem conhece o coração de quem? Somos altivos e orgulhosos. Se Deus não nos fala é porque estamos sempre falando no lugar dEle.

Portanto, se quiser conversar com Deus, aprenda a estar em silêncio primeiro. Aprenda a ser humilde, aprenda a ouvir. E aprenda, principalmente, que Sua voz nos fala através de pessoas e de fatos e que nem sempre a solução que Ele encontra para os nossos problemas são as mesmas que impomos. Deus também diz "não" quando é disso que precisamos. Ele conhece nosso coração muito melhor que nós, pois vê dentro e vê nosso amanhã. Ele conhece nossos limites e nossas necessidades.

A bíblia nos dá este conselho: "quando quiser falar com Deus, entra em seu quarto e, em silêncio, ora ao Teu Pai."

Eis a sabedoria Divina, a chave do mistério e que nunca compreendemos. Mas ainda é tempo...

Encontramos no livro de Provérbios a seguinte frase:
"as palavras são prata, mas o silêncio vale ouro."

A voz do silêncio é a voz de Deus. E falar com Ele é um privilégio maravilhoso acessível a todos nós.

Letícia Thompson

MUITO BONITO

segunda-feira, 28 de junho de 2010 · 0 comentários

A HISTÓRIA DO LÁPIS

quarta-feira, 26 de maio de 2010 · 0 comentários


O menino olhava a avó escrevendo uma carta.
A certa altura,perguntou:
Você está escrevendo uma história que aconteceu conosco?
E por acaso, é uma história sobre mim?
A avó parou a carta, sorriu, e comentou com o neto:
- Estou escrevendo sobre você, é verdade. Entretanto, mais importante do que as palavras, é o lápis que estou usando. Gostaria que você fosse como ele, quando crescesse.
O menino olhou para o lápis, intrigado, e não viu nada de especial.
- Mas ele é igual a todos os lápis que ja vi!
- Tudo depende do modo como você olha as coisas.
Há cinco qualidades nele que, se você conseguir mantê-las, será sempre uma pessoa em paz com o mundo.
"Primeira qualidade: você pode fazer grandes coisas, mas não deve esquecer nunca que existe uma Mão que guia seus passos. Esta mão nós chamamos de Deus, e Ele deve sempre conduzi-lo em direção à Sua vontade".
"Segunda qualidade: de vez em quando eu preciso parar o que estou
escrevendo, e usar o apontador. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, mas no final, ele está mais afiado. Portanto, saiba suportar algumas dores, porque elas o farão ser uma pessoa melhor."
"Terceira qualidade: o lápis sempre permite que usemos uma borracha para apagar aquilo que estava errado. Entenda que corrigir uma coisa que fizemos não é necessariamente algo mau, mas algo importante
para nos manter no caminho da justiça".
"Quarta qualidade: o que realmente importa no lápis não é a madeira ou sua forma exterior, mas o grafite que está dentro.
Portanto, sempre cuide daquilo que acontece dentro de você."
"Finalmente, a quinta qualidade do lápis: ele sempre deixa uma marca. Da mesma maneira, saiba que tudo que você fizer na vida, irá deixar traços, e procure ser consciente de cada ação".

QUANDO

segunda-feira, 5 de abril de 2010 · 0 comentários


Quando nas horas de íntimo desgosto, o desalento te invadir a alma e as lágrimas te aflorarem aos olhos, busca-Me: Eu sou Aquele que sabe sufocar-te o pranto e estancar-te as lágrimas;

Quando te julgares incompreendido pelos que te circundam e vires que em torno a indiferença recrudesce, acerca-te de Mim; Eu sou a Luz, sob cujos raios se aclaram a pureza de tuas intenções e a nobreza de teus sentimentos;
Quando se te extinguir o ânimo, as vicissitudes da vida, e te achares na eminência de desfalecer, Chama-Me: Eu sou a Força, capaz de remover-te as pedras dos caminhos e sobrepor-te às adversidades do mundo;
Quando, inclementes, te açoitarem os vendavais da sorte e já não souberes onde reclinar a cabeça, corre para junto de Mim: Eu sou o Refúgio, em cujo seio encontrarás guarida para o teu corpo e tranquilidade para o teu espírito;
Quando te faltar a calma, nos momentos de maior aflição, e te julgares incapaz de conservar a serenidade de espírito, invoca-Me: Eu sou a Paciência, que te faz vencer os transes mais dolorosos e triunfar nas situações mais difíceis;
Quando te abateres nos paroxismos da dor e tiveres a alma ulcerada pelos abrolhos dos caminhos, grita por Mim: Eu sou o Bálsamo, que te cicatriza as chagas e te minora os padecimentos;
Quando o mundo te iludir com suas promessas falazes e perceberes que já ninguém pode inspirar-te confiança, vem a Mim: Eu sou a Sinceridade, que sabe corresponder à fraqueza de tuas atitudes e à exelsitude de teus ideais;
Quando a tristeza e a melancolia te povoarem o coração e tudo te causar aborrecimento, clama por Mim, Eu sou a Alegria que te insufla um alento novo e te faz conhecer os encantos de teu mundo interior;
Quando, um a um, te fenecerem os ideais mais belos e te sentires no auge do desespero, apela para Mim, Eu sou a Esperança, que te robustece a fé e acalenta os sonhos;
Quando a impiedade se recusar a revelar-te as faltas e experimentares a dureza do coração humano, procura-Me: Eu sou o perdão, que te eleva o ânimo e promove a reabilitação de teu espírito;
Quando duvidares de tudo, até de tuas próprias convicções, e o ceticismo te avassalar a alma, recorre a Mim: Eu sou a crença que te inunda de luz o entendimento e te reabilita para a conquista da felicidade;
Quando já não aprovares a sublimidade de uma afeição sincera e te desiludires dos sentimento de seu semelhante, aproxima-te de Mim: Eu sou a Renúncia, que te ensina a olvidar a ingratidão dos homens e a esquecer a incompreensão do mundo;
Quando, enfim, quiseres saber quem Sou, pergunta ao riacho que murmura e ao pássaro que canta, à flor que desabrocha e à estrela que cintila, ao moço que espera e ao velho que recorda.
Eu sou a dinâmica da Vida e a harmonia da Natureza; Eu Sou o Espírito de Deus, o remédio para todos os males que te atormentam.

Autor desconhecido

Fonte: Bíblia OnLine

DEUS SEMPRE AGE CERTO

quarta-feira, 31 de março de 2010 · 0 comentários



Certa vez, um homem pediu a Deus uma flor e uma borboleta. Mas Deus lhe deu um cacto e uma lagarta. O homem ficou triste pois não entendeu o porquê do seu pedido vir errado.

Daí pensou: Também, com tanta gente para atender... e resolveu não questionar.

Passado algum tempo, o homem foi verificar o pedido que deixou esquecido. Para sua surpresa, do espinhoso e feio cacto havia nascido a mais bela das flores e a horrível lagarta transformara-se em uma belíssima borboleta.

Deus sempre age certo. O seu caminho é o melhor, mesmo que aos nossos olhos pareça estar dando tudo errado.

Se você pediu a Deus uma coisa e recebeu outra, confie. Tenha a certeza de que Ele sempre dá o que você precisa, no momento certo.

Nem sempre o que você deseja..., é o que você precisa. Como Ele nunca erra na entrega de seus pedidos, siga em frente sem murmurar ou duvidar.

O espinho de hoje..., será a flor de amanhã !

O QUANTO VOCÊ VALE

terça-feira, 23 de março de 2010 · 0 comentários


Um famoso palestrante começou um seminário segurando uma nota de 50,00.
Numa sala com duzentas pessoas, ele perguntou " Quem quer essa nota de 50,00?
Mãos começaram a se levantar. Ele disse " Eu darei essa nota a um de vocês, mas primeiro deixe-me fazer isso!"
Ele continuou e amassou anota. E então perguntou " Quem ainda quer esta nota?
Mãos continuaram levantadas. "Bom", ele disse " E se eu fizer isso?" Ele deixou cair a nota no chão e começou a pisar nela com o sapato, e esfregá-la no chão. Ele pegou anota agora imunda e amassada. " E agora, quem ainda quer essa nota? As mãos continuaram levantadas.
" Meus amigos vocês todos têm e devem aprender uma valiosa lição. Não importa o que eu faça com a nota, vocês ainda a irão querer, porque ela não perde o valor, ela ainda valerá 50,00 reais.
Muitas vezes em nossas vidas, nós somos amassados, pisados e ficamos imundos... nos sentimos como sem valor, sem importância... mas não importa o que aconteceu ou o que acontecerá, você nunca perderá o valor para os olhos de Deus.
O preço de nossas vidas não é pelo que pelo que nós fazemos ou sabemos, mas pelo que somos.
Você é especial para Deus, não se esqueça disso!

Autor desconhecido

HISTÓRIA EMOCIONANTE

quinta-feira, 18 de março de 2010 · 0 comentários


Mãe!

Fui a uma festa e me lembrei do que você me disse!!! Você me pediu que eu não tomasse álcool mãe...
Então, ao invés disso tomei uma "sprite".
Senti orgulho de mim mesma, e do modo que você disse que eu me sentiria, e que não deveria beber e dirigir.
Ao contrário do que alguns amigos me disseram.
Fiz uma escolha saudável e seu conselho foi correto.
E quando a festa finalmente acabou, e o pessoal começou a dirigir sem condições, fui para o meu carro na certeza de que iria para casa em paz.
Eu nunca poderia imaginar o que estava me aguardando, mãe... algo que eu não poderia esperar...
Agora estou jogada na rua e ouvi o policial dizer:
- A garota vai morrer...
Tenho certeza de que o garoto não tinha a menor idéia, enquanto ele estava a toda velocidade, afinal ele decidiu beber e dirigir, e agora tenho que morrer...?
Então, por que as pessoas fazem isso, mãe?
Sabendo que isso vai arruinar vidas?!
E agora a dor está me cortando como uma centena de facas afiadas...
Diga a minha irmã para não ficar assustada, mãe...
Diga ao papai que ele seja forte...
E quando eu for para o céu, escreva "Garotinha do papai" na minha sepultura...
Alguém deveria dizer àquele garoto que é errado beber e dirigir...
Talvez, se seus pais tivessem dito, eu ainda estaria com possibilidades de continuar viva...
Minha respiração está ficando mais fraca mãe, e estou realmente ficando com medo...
Estes são meus momentos finais e me sinto tão despreparada...
Eu gostaria que você pudesse me abraçar, mãe...
Enquanto estou estirada aqui, morrendo, eu gostaria de poder dizer que te amo mãe...!
Então.. te amo e adeus...

"O vinho é escarnecedor, e a bebida forte alvoroçadora; e todo aquele que neles errar não e sábio".Pv 20.1
"Ai dos que são poderosos para beber vinho, e valentes para misturar bebida forte;" Is5.22
"nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbedos, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus". I Co 6.10


DEUS PERDOA

quarta-feira, 10 de março de 2010 · 0 comentários


" O pai estava feliz da vida com o novo carro. Todos os dias perdia tempo, lavando e dando um brilho no veículo, que às vezes nem dava a devida atenção para a família.

Indiferente ao amor que o pai sentia pelo carro, o menino passou a brincar na garagem com um pequeno prego. Desavisado e inocente, o menino passou a riscar a lataria do automóvel.

Ao ver o carro riscado, o pai perguntou ao filho quem havia feito aquilo. O menino então confessou, pois temia ser castigado caso mentisse.

Completamente tomado pela ira, o pai, fora de si, aplicou várias palmatoradas na mão direita do menino. Tamanha foi a surra, que o garoto chegou a ficar desacordado, e teve mão amputada devido à gangrena provocada pelo espancamento.

Ao sair do hospital e voltar para casa, o menino observou que o carro de seu pai já estava com a pintura toda reformada.

Inocente, a criança disse ao pai: “Fico feliz pelas raladuras na pintura do carro terem sumido. E minha mãozinha, quando vai nascer de novo?”

Só Deus é verdadeiramente capaz de perdoar erros grandes e pequenos que cometemos. Ele transforma corações verdadeiramente arrependidos."

OS 10 MANDAMENTOS DO NAMORO

terça-feira, 2 de março de 2010 · 0 comentários


Quais são os 10 mandamentos do namoro?

Namoro é uma fase muito bonita. É definida como o ato de galantear, cortejar, procurar inspirar amor a alguém. O namoro cristão, tenha a idade que tiver, deve ser uma convivência afetiva preliminar que amadurece e prepara o casal para o compromisso mais profundo. O contrário disso, longe dos princípios de Deus, pode resultar em uma experiência nociva e traumática. Observe alguns princípios que ajudam a manter o seu namoro dentro do ponto de vista de Deus.

1. Não namore por lazer: namoro não é passatempo e o cristão consciente deve encarar o namoro como uma etapa importante e básica para um relacionamento duradouro e feliz. Casamentos sólidos decorrem de namoros bem ajustados.

2. Não se prenda em um jugo desigual (II Co 6:14-18): iniciar um namoro com alguém que não tem temor a Deus e não é uma nova criatura pode resultar em um casamento equivocado. E atenção: mesmo pessoas que freqüentam igrejas evangélicas podem não ser verdadeiros convertidos ou não levarem o relacionamento com Deus a sério.

3. Imponha limites no relacionamento: o namoro moderno, segundo o ponto de vista dos incrédulos, está deformado e nele intimidade sexual ou práticas que levam a uma intimidade cada vez maior são normais, mas o namoro do cristão não deve ser assim, o que nos leva ao próximo mandamento.

4. Diga não ao sexo: Deus criou o sexo para ser praticado entre duas pessoas que se amam e têm entre si um compromisso permanente. É uma bênção para ser desfrutada plenamente dentro do casamento; fora dele é impureza.

5. Promova o diálogo e a comunicação: conversar é essencial, estabeleça uma comunicação constante, franca e direta e não evite conversar sobre qualquer assunto.

6. Cultive o romantismo: a convivência a dois deve ser marcada por gentileza, cordialidade e romantismo. Isso não é cafona, nem é coisa do passado e traz brilho ao relacionamento.

7. Mantenha a dignidade e o respeito: o namoro equilibrado tem um tratamento recíproco de dignidade, respeito e valorização. O respeito é imprescindível para um compromisso respeitoso e duradouro. Desrespeito é falta de amor.

8. Pratique a fidelidade: infidelidade no namoro leva à infidelidade no casamento. Fidelidade é elemento imprescindível em qualquer tipo de relacionamento coerente à vontade de Deus, que abomina a leviandade.

9. Assuma publicamente seu relacionamento: uma pessoa madura e coerente com a vontade de Deus não precisa e nem deve lutar contra seus sentimentos ou escondê-los.

10. Forme um triângulo amoroso: namoro realmente cristão só é bom a três: o casal e Deus. Ele deve ser o centro e o objetivo do namoro.

Deixe Deus orientar e consolidar seu namoro. Viva integralmente as bênçãos que Deus tem para você através do namoro. E seja feliz.




Minha Fonte: Solteiros Cristãos

DEUS ESTÁ FALANDO COM VOCÊ

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010 · 0 comentários


Um homem sussurrou:

- Deus, fale comigo...
E um rouxinou começou a cantar
Mas o homem não ouviu.
Então o homem repetiu:
- Deus, fale comigo!
E um trovão ecoou nos céus.
Mas o homem foi incapaz de ouvir.
O homem olhou em volta e disse:
- Deus, deixe-me vê-lo....
E uma estrela brilhou no céu.
Mas o homem não a notou.
O homem começou a gritar:
- Deus, mostre-me um milagre!
E uma criança nasceu.
Mas o homem não sentiu o pulsar da vida.
Então o homem começou a chorar e se desesperar:
- Deus, toque-me e deixe-me sentir que está aqui!
E uma borboleta pousou suavemente em seu ombro.
O homem espantou a borboleta com a mão e, desiludido continuou o seu caminho.
Por vezes o homem espera por Deus nas coisas mais espetaculares, e não o vêem na mais simples.
Talvez por isso seja difícil para alguns acreditar que a salvação possa ser tão simples como uma pequena confissão.

( Autor desconhecido)




A LOJA DE DEUS

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010 · 0 comentários


Entrei e vi um anjo no balcão.
Maravilhado lhe disse:
_ Anjo do Senhor, o que vendes?
Respondeu-me:
_ Todos os dons de Deus.
_ Custa muito?
_ Não tudo é de graça.
Contemplei a loja e vi jarros e vidros de fé, pacotes de esperança, caixinhas de salvação e sabedoria.
Tomei coragem e pedi:
_ Por favor, quero muito amor de Deus, todo o perdão dEle, um vidro de fé, bastante felicidade e salvação eterna para mim e minha família.
Então o Anjo do Senhor preparou-me um pequeno embrulho que cabia na minha mão.
Maravilhado disse:
_ É possível tudo aqui?
O Anjo respondeu-me sorrindo:
_ Meu querido irmão, na loja de Deus não vendemos frutos.
Apenas sementes.

O HOMEM QUE NÃO ACREDITAVA EM DEUS

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010 · 0 comentários


Certo farmacêutico de uma pequena cidade do interior não acreditava em Deus. Era muito conhecido no lugar e tinha muitos amigos, alguns dos quais eram evangélicos e sempre procuravam falar de Deus e do seu amor para com o ser humano. No entanto, o homem sempre se negava a falar sobre o assunto.

“Falo sobre qualquer coisa, menos sobre Deus, porque não acredito que ele existe”, dizia o homem.

Até que um dia, quando o homem estava fechando seu estabelecimento, algo diferente aconteceu.

Um garoto que ele nunca tinha visto chegou a sua farmácia correndo.

Cansado e quase sem conseguir falar, o menino pediu um remédio para curar um problema de coração da mãe dele.

O menino não tinha dinheiro, mas afirmou que no dia seguinte voltaria à farmácia trazendo o dinheiro.

O farmacêutico passava por problemas financeiros porque as vendas estavam muitos fracas, mas mesmo assim ele acreditou na sinceridade do garoto e o deixou ir com o remédio.

Depois que o menino sumiu na estrada, ele continua arrumando os remédios e pensando no que havia acabado de fazer. Até que ao observar a prateleira de onde retirou o remédio ele percebeu que havia entregado o remédio errado para o menino.

Desesperado ele correu atrás do garoto. Dobrou quatro esquinas e não mais encontrou o menino. Então voltou para a farmácia, desesperado com a possibilidade da mãe do garoto morrer por causa do remédio errado.

Consumido pelo desespero, ele, que não acreditava em Deus, resolveu então orar.

“Senhor, eu não acredito em Ti, mas se Tu livrares esta mulher da morte, eu passarei a acreditar em Ti”.

Mal ele terminava de orar, deparou-se com o mesmo garoto entrando na farmácia com o vidro do remédio todo quebrado nas mãos.

“Meu senhor, de tão apressado que estava, acabei tropeçando e quebrei o frasco de remédio. Por favor, me venda outra e manhã mesmo volto para lhe pagar os dois vidros”.

Com os olhos cheios d’água, ele abraçou-se ao garoto e disse: “Não precisa me pagar nada, porque o que você meu deu hoje não tem preço”.

Desde aquele dia, o farmacêutico nunca mais duvidou da existência de Deus e do seu poder em salvar a vida das pessoas.

AMPARO - "AQUIETAI-VOS" - FÉ - "FICA CONOSCO" - MÃE - Salmo 46

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010 · 0 comentários


Era noite. Trovões ribombavam e relâmpagos faiscavam no horizonte. Chovia torrencialmente. A casa tremia com a violência do vento e da chuva pesada, que batia de encontro às vidraças.

No meu leito, um tanto assustada, ouvia eu o rumor da tempestade. Per­to de mim, deitado em sua cama, estava meu filhinho de quatro anos, conva­lescente de coqueluche. Chamou-me atemorizado:

- Mãezinha, onde estás?

- Estou aqui, querido - respondi prontamente. Queres alguma coisa? Ele estendeu a mãozinha e tocou-me. Animei os seus dedinhos tenros e ele acrescentou:

- Nada agora, mãe, porque tu estás aqui.

Segurando as mãos do meu filhinho enquanto a tempestade rugia, eu pensava comigo mesma como nos sentimos sós nas horas de dificuldades, se não firmamos a fé em nosso Pai celeste. "Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus; não temais". Ele oferece oportunidade para a paz de coração na hora presente, como o tem feito através dos séculos.

Nancy Jane Knock (Missouri, E.U.A.)

. AMOR - CREDENCIAIS - LAR CELESTIAL

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010 · 0 comentários


"Nisto conhecerão que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns pelos outros" (Jo 13.35).


Uma noite chegamos às muralhas da China, depois de terem cerrado o portão. Através do guichê do portão, o guarda pediu-nos nossa carteira de identidade. Logo o portão se abriu e nos foi permitido entrar.

Algum dia chegaremos às muralhas da Cidade Eterna. Que credenciais teremos a apresentar, a fim de que a porta se abra? Será o nosso conhecimen­to da Bíblia? Nossa certidão de batismo? Nossa carta de membro da Igreja? Uma carta de recomendação do pastor? Ou a ficha de nossa vida diária?


Jesus nos deu a única resposta. Disse ele: "Nisto conhecerão que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns pelos outros". Eis a prova principal de que fomos redimidos pelo sangue de Jesus Cristo: "amarmos a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos".


Leo K. Mader


( Natanael de Barros Almeida - " Coletânea")

AMIGO VERDADEIRO - PAI E FILHO

domingo, 24 de janeiro de 2010 · 0 comentários


Hb 13.5; Mt 28.20

William Stidger narra como um rapazinho que jazia na mesa de opera­ção, tendo de sofrer uma intervenção séria, pediu ao pai que ficasse com ele para lhe segurar a mão enquanto o médico o anestesiava. Justamente antes de lhe colocarem a máscara de éter, ele olhou para o pai, e disse com inteira confiança:

- O senhor ficará comigo até o fim, não é, papai?

O pai respondeu com lágrimas de compreensão:

- Certamente ficarei, meu filho.

Eis o que significa a verdadeira amizade. Significa acompanhar por todo o caminho, até o fim.

O amigo que é mais chegado do que um irmão, Jesus, nosso melhor amigo, acompanha por todo o caminho. Ele diz: "De maneira alguma te deixa­rei nunca jamais te abandonarei. E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século" (Hb 13.5; Mt 28.20).

Cultivemos-Lhe a amizade e, à Sua semelhança, sejamos um amigo verdadeiro para todos - os que têm e os que não têm amigos.

( Natanael de Barros Almeida - Coletânea)

OLHOS FIXOS

domingo, 17 de janeiro de 2010 · 0 comentários


Um adolescente, após ter sido castigado por seus pais várias vezes e cgegado à conclusão de que não conseguiria se corrigir, dirigiu-se ao diretor do colégio e humildemente perguntou:
_ Professor, o que devo fazer para não cometer esses erros novamente? Tenho me esforçado, mas não estou conseguindo!
O mestre então, sabiamente, tomou um copo, encheu-o de água e entregou-o ao jovem dizendo:
_Filho, ande com esse copo por todo o colégio, entre em todas salas, suba todas as escadas, entre em todos os cantos e becos, nos jardins, no sótão e volte aqui... sem derramar uma só gota dessa água.
_ Impossível! Disse o jovem, não vou conseguir!
_ Se você quiser, vai conseguir sim, disse o mestre.
O jovem saiu devagar... com os olhos fixos no copo, subiu e desceu as escadas, entrou e saiu de salas, cantos e becos, sótão, jardins... e voltou sem ter derramado a água.
O mestre olha-o, bate-lhe nos ombros carinhosamente e diz:
_ Não viu as garotas que passeavam pelo jardim no horário de aulas?...
_ Não, responde o jovem, eu estava com os olhos fixos no copo...
O mestre sorri e diz:
_ Os colegas te convidaram para um copo de bebida, uma tragadinha ou um cigarrinho?
_ Não, eu estava com os olhos fixos no copo...
Então o mestre diz:
_ Se você fixar os olhos em Jesus, como fez com o copo... terá a força que tanto precisa para vencer as tentações e não cometerá mais as faltas pelas quais tem sido castigado.
Olha pra Jesus, deixe-O fazer uma experiência em sua vida você também!

( Desconheço o autor)

AMOR DE CRISTO - "DEUS TEM CUIDADO DE VÓS..." - LIVRAMENTO - PROVIDÊNCIA DIVINA - Jo 20.27

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010 · 0 comentários


Conta-se a história de um trem de passageiros que, certa noite, fazia sua rota regular a caminho de Londres. Chovera torrencialmente durante todo o dia. Com o cair da noite, intenso nevoeiro descera sobre a estrada de ferro. De repente, o maquinista avistou uma pessoa com os braços abertos em desespe¬ro. Ele freou o trem, que rangeu sobre os trilhos e parou. O condutor saiu pa¬ra investigar o que havia e descobriu que, pouco adiante, uma ponte havia ruído ao peso das águas encapeladas de uma corrente. Procuraram, pois, a pessoa que salvara a vida de tantos passageiros, mas não encontraram nin¬guém. Foi então que o maquinista
examinando os faróis da máquina, deparou com uma cena estranha. Uma grande mariposa de asas abertas estava morta e colada ao farol. Foi o reflexo da sua agonia que lhe serviu de aviso.
Este incidente da mariposa pode ser comparado ao amor de Cristo pela humanidade. O reflexo do corpo de Cristo, de braços abertos sobre a cruz do Calvário, tem salvo a vida de milhares de almas, através dos séculos.
Seria por mero acaso que tal vespa surgira exatamente no momento oportuno?

Sra. J. Hardin Neal (Virgínia, E.U.A.)

( Natanael de Barros Almeida - Coletânea de Ilustrações Homilíticas)

FELIZ 2010

domingo, 3 de janeiro de 2010 · 0 comentários


Desejo o todos vocês que acompanham esse blog e que me visitam, um feliz ano novo, repleto de bençãos, muita alegria e que seus sonhos se concretizem!!!

Deus abençoe a todos!

Ocorreu um erro neste gadget

Passaram por aqui

Universal Translator

Meus visitantes amigos


contador gratis

Amigos do blog

Pesquisar este blog

Diretório de blogs

site viagens

BLOG AMIGO

Informe UNIÃO - Divulgando as maravilhas de Deus

PARCEIRO ABENÇOADO

Clique aqui

PARCEIRO AMIGO

Blog - Avante com Jesus

MIMO DA CRIS

Recadinhos Abençoados